11 cliques em Kuala Lumpur, na Malásia

Por Simone Rodrigues e Ricardo Viana

16 fev, 2014
RICARDO VIANA
Kuala Lumpur, Malásia
As Torres Petronas foram os edifícios mais altos do mundo entre 1998 e 2004, quando foram suplantados pelo Edifício Taipei 101, em Taiwan

Vizinha de países muito visitados como Singapura, Indonésia e Tailândia, a Malásia ainda é pouco explorada, mas não por falta de atrativos. É um país desenvolvido, com investimentos fortes na economia e no meio ambiente – apresenta um dos ecossistemas mais complexos e diversificados do mundo, belo com suas gigantes obras arquitetônicas. Rico em cultura, com inúmeros museus, teatros e galerias de arte, é hoje um exemplo de convivência pacífica entre diferentes etnias.

Kuala Lumpur - Malásia
Edifício Sultão Abdul Samad, local atual do Ministério da Informação. Foi construído em 1894-1897 para abrigar diversos departamentos de Governo durante a administração britânica
Kuala Lumpur - Malásia
Palácio Nacional (Istana Negara) era a casa oficial do Supremo Rei da Malásia. Em 2013 transformou-se no Museu Real
Kuala Lumpur - Malásia
A arquitetura de Kuala Lumpur é um blend de antigas influências coloniais, tradições asiáticas, malaia, islâmicas, arquitetura moderna e pós-moderna
Kuala Lumpur - Malásia
A arquitetura moderna e pós-moderna em Kuala Kumpur começou a aparecer no final dos anos 90 e começo dos anos 2000
Kuala Lumpur - Malásia
Praça Merdeka (Dataran Merdeka), em Kuala Lumpur
Kuala Lumpur - Malásia
Torres Petronas: a Grande Kuala Lumpur, também conhecida como Klang Valley, é uma aglomeração urbana de 5,7 milhões de pessoas
Kuala Lumpurr - Malásia
Centro visto da Torre de Kuala Lumpur. Construída em 1995, a torre tem 421 m e é uma das mais altas do mundo
Kuala Lumpur - Malásia
Detalhe do maior símbolo da Malásia: as Torres Petronas
Kuala Lumpur -  Malásia
Torre Kuala Lumpur, na Malásia. Apesar do Islã ser religião oficial do Estado, a Constituição garante liberdade religiosa no país
Kuala Lumpur - Malásia
A Malásia é um dos países mais proeminentes da Ásia. Os sinais da riqueza estão evidenciadas em diversas partes da cidade de Kuala Lumpur

 

Veja mais roteiros na Ásia »

 

Simone Rodrigues é jornalista e apaixonada por viagens. Seus relatos e dicas para roteiros independentes podem ser encontrados nos blogs viagemmalasia.blogspot.com.br e viagemsimone.blogspot.com.br

Ricardo Viana é economista e tem fotografia como hobby. Ambos já visitaram mais de 50 países e continuam viajando. Para mais fotos visite: flickr.com//ricardoviana

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

One thought on “11 cliques em Kuala Lumpur, na Malásia”