Praias de Torres misturam rochedos e balões

Por Chrisitan Brandão

29 mar, 2010
Divulgação | Prefeitura de Torres
Torres - Rio Grande do Sul
Praias, balões e grandes rochedos chamam a atenção em Torres

Entre as areias finas e as águas geladas de Torres, no Rio Grande do Sul, surgem imensos paredões de pedra que dão característica única à cidade gaúcha. Local ideal se você quer sair do estereótipo da maioria das praias brasileiras.

A praia da Guarita é uma das mais famosas. A visita é imperdível. O parque agregado teve seus jardins desenhados por Burle Marx. Ao redor das areias estão três torres: do Centro, Sul e Guarita, que dá nome ao complexo.

Erguendo-se a quase 70 m acima do mar e separado pela praia do Cal, o Morro do Meio está entre os mais imponentes. Também conhecido como morro das Furnas, o local chega a impressionantes 66 m à beira-mar.

Agora se o seu negócio é agitação e comodidade à mão, procure a praia Grande. Em seus dois quilômetros não estão somente a maioria dos visitantes, mas também os diversos eventos que acontecem principalmente nos meses de verão.

Nos ares e na água

As atrações de Torres vão além das praias e dos grandes rochedos. Durante os meses de abril e maio os céus gaúchos ganham diversas cores com o Festival Internacional de Balonismo.

As águas não ficam atrás: de junho a setembro baleias-francas e lobos-marinhos pontuam o litoral em busca das águas quentes do Brasil.

Apesar de serem vistas até da areia das praias, um bom local para observar os imensos mamíferos é o morro do Farol. Já os lobos marinhos se amontoam na ilha dos Lobos, uma reserva ecológica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *