Conheça o Markthal, o fascinante mercado gourmet de Roterdã, na Holanda

Por Clarissa Mattos

7 abr, 2016
Markthal mercado de Roterdã Holanda
O Markthal abriu as portas em outubro de 2014, depois de cinco anos de construção | divulgação

O Markthal, tradicional mercado de Roterdã com o seu fascinante teto com ilustrações gigantes de animais, frutas e verduras, vem batendo recordes de visitantes e se firmando como um dos hotspots e marcos arquitetônicos da cidade portuária holandesa.

Tudo que se refere ao Markthal Rotterdam é superlativo, mas nem tudo são elogios. Alguns holandeses torcem o nariz para o imenso prédio em forma de ferradura. Outros criticam exatamente a “cornucopia”, o mural no teto, que é uma psicodélica ode à abundância da natureza e ao alimento em sua essência. Gostando ou não, uma coisa é certa: existem vários motivos para visitar o famoso mercado gastronômico de Roterdã. Listamos abaixo algumas razões para deixar você com água na boca em sua próxima viagem.

Markthal-Roterda-Holanda
O colorido teto do Markthal, em Roterdã | divulgação


Diversidade de produtos

As dimensões e a ousadia do projeto dos arquitetos holandeses do grupo MVRDV já seriam razões suficientes, mas é claro que existem outras muitas. São cerca de 100 stands com produtos frescos, restaurantes e lojas convenientemente reunidas em um lugar onde tudo é feito para aguçar o seus sentidos e cutucar seu bolso. Mas, claro que toda essa estrutura tem seu preço.

Mercado de Roterdã
Mercado de Roterdã tem cerca de 100 stands | Ron Beenen / Bailandesa


Delícias reunidas

Mesmo que você não seja exatamente um “foodie”, vai ser difícil resistir às tentações. Inspirado nos mercados como o La Boqueria em Barcelona, o Markthal é um (imenso!) espaço totalmente dedicado ao prazer de comer bem e um perfeito ponto de encontro para o final do dia. Uma vez convencido de conhecer esse paraíso gourmet, o que fazer no mercado de Roterdã? Aqui vão algumas dicas imperdíveis, mas tem muito mais para descobrir e saborear:

. Prove uma mezze no Obba, um tipo de tapa mediterrâneo com um pezinho na Turquia
. Já que está na Holanda, não deixe de provar as batatas fritas orgânicas do Bram Ladage
. Fã de um hambúrguer? Bata o ponto no Pickles
. À procura do pão perfeito? Vá correndo na Le Perron
Quer dá um toque Masterchef nos seus pratos? Passe no stand da Cress e leve umas dessas plantinhas que podem ter sabor de mel, nozes, brócolis e até ostras.

Markthal-mercado-Roterdã-Holanda
Delícias do Markthal: vale a pena visitar o Mercado de Roterdã | Ron Beenen / Bailandesa


Vale a pena comprar no Markthal?

O Markthal é lindo e deve ser visitado, mas se você aprecia a gastronomia e tem amor ao seu bolso, não deixe de ir ao Centru Markt – a maior feira ao ar livre de Roterdã que fica bem na frente do Markthal. Sim, vale a pena passar pela feira de rua para conhecer e conferir o básico e deixar para comprar as especialidades no Markthal. Você pode terminar o seu dia numa das muitas opções de bares e restaurantes do maior “food market” da Holanda.

A ferradura e a capital da arquitetura

Além do Markthal, o prédio, em forma de ferradura que custou 175 milhões de euros, abriga mais de 200 apartamentos e escritórios. Os imóveis abraçam o arco de 40 metros e sob o arco está o mercado com seus cerca de 100 stands, restaurantes e lojas. O prédio todo ocupa uma área de mais de 100.000 metros quadrados.

Em um país de dimensões minúsculas e famoso por casinhas de boneca e moinhos, pode parecer uma contradição. Mas estamos falando de Roterdã, que é um universo à parte na Holanda. O bombardeamento de 1940 destruiu o centro histórico da cidade durante a 2ª Guerra Mundial e mudou o curso da cidade. Roterdã se transformou numa tela quase em branco para um ousado plano de recuperação e o resultado é um cenário bem diferente da bucólica imagem da “Disney do Queijo” que conhecemos. Esta é a cidade do prédio em forma de lápis, das casas cubo e muitos outros exemplos da arquitetura moderna e contemporânea.

Markthal-mercado=Roterdã=holanda
Markthal, em Roterdã, é considerado o maior food market da Holanda | Ron Beenen / Bailandesa

Interessados em saber mais sobre o ousado projeto do Markthal podem fazer um tour guiado. A visita, claro, inclui degustações pelas delícias do mercado. Clique aqui para saber mais.

Serviço »
Endereço: Ds. Jan Scharpstraat 298 3011 GZ – Rotterdã
Mais informações: www.markthal.nl

Horários de funcionamento* »
De segunda a quinta e aos sábados: das 10h às 20h
Sextas-feiras: das 10 às 21h
Domingos: das 12h às 18h

Como chegar »
Trem: partindo da Estação central de Rotterdam, pegar o trem para a Estação Blaak
Metrô: as linhas de metrô A. B e C param na Estação Blaak
Ônibus: ônibus 32 direção Noordereiland en Overschie e ônibus 48 direção Zuid e Rotterdam Centraal também param na estação Blaak
Carro: é possível estacionar facilmente (mas não grátis) no estacionamento embaixo no mercado.
Tram (bonde): Tram 21 direção Woudhoek en De Esch e Tram 24 direção Holy en De Esch param na estação Blaak

*O horário de funcionamento dos restaurantes pode variar

 

Clarissa Mattos é uma baiana que atravessou o Oceano Atlântico não a nado, mas por amor. No blog Bailandesa, narra as dores e delícias da vida na Holanda, dá dicas de turismo e de cultura

Confira mais roteiros na Holanda »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *