Raiatea: a ilha sagrada do Tahiti traz cultura divina e paisagens maravilhosas

Por Ethel de Paula

22 nov, 2017
Tahiti-RAIATEA
Raiatea: a primeira ilha povoada da Polinésia Francesa | TAHITI TOURISME

Conhecida como o berço dos deuses, Raiatea, a primeira ilha povoada da Polinésia Francesa é um destino perfeito para viajantes interessados em explorar não só as belezas – mas a cultura e as tradições do Tahiti. É na sagrada Raiatea que fica o monumental templo Taputapuatea, berço da cultura ritualística dos poderes religiosos e políticos ancestrais da região – e até hoje um local de peregrinação.

Divina por dentro, Raiatea é maravilhosa por fora: montanhas, alguns picos com mais de 1000 metros de altura, jardins de coral, litoral à sombra de coqueiros, baías (profundas e calmas), cachoeiras e até surpreendentes crateras de vulcão estão entre os muitos atrativos da ilha.

É em Raiatea que fica o único rio navegável da Polinésia Francesa, onde passeios em canoas vão dar no coração de uma densa floresta tropical, repleta de pūrau, bambus e māpē – como é conhecida a castanha tahitiana.

Área cerimonial do Templo Taputapuatea: local está em processo de registro para em 2017 tornar-se parte do Patrimônio Mundial da Unesco | TAHITI TOURISME
Detalhe do Templo Taputapuatea em Raiatea, a ilha sagrada do Tahiti | TAHITI TOURISME
RAIATEA É UM DESTINO PERFEITO PARA AMANTES DA NATUREZA | TAHITI TOURISME

A flora da região é capítulo à parte, própria de um patrimônio natural singular. O monte Temehani é todo recoberto por tiare ‘apetahi – uma flor que é única no mundo e ganhou status de símbolo de Raiatea. Branca e semicircular, é com ela que viajantes e turistas são recebidos e costumam retornar para suas regiões de origem, levando colares de tiare ao pescoço, como espécies de amuletos da boa sorte.

Em Raiatea, flores também simbolizam festividades, prazer e renascimento. É ao redor do mercado de Papeete que são preparadas as coroas de flores que os polinésios usam em ocasiões especiais, como casamentos.

Antigamente, apenas reis e príncipes podiam colher essa flor sagrada, contam as lendas nativas. Mais tarde, a tiare foi usada como um símbolo de amor. Quando os polinésios se casam, a casa e a cama do casal são cobertas com lindas flores durante 30 dias. Hoje, a tiare continua a exercer seu poder casamenteiro: se usado sobre a orelha esquerda, significa que o coração está ocupado, mas sobre a orelha direita, quer dizer que o coração está disponível para ser arrebatado.

TIARE TAHITI: A FLOR RARA QUE DÁ BOAS VINDAS AOS VISITANTES É UM SÍMBOLO DE RAIATEA | TAHITI TOURISME
Repleta de marinas e ancoradouros, Raiatea apresenta excelentes condições de navegação | TAHITI TOURISME
Ilha é paraíso dos veleiros | TAHITI TOURISME
Ilha de Raiatea tem natureza exuberante | TAHITI TOURISME

 

 

Veja mais roteiros no Tahiti

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *