Lima: capital do Peru irradia alegria em arte

Por Arthur Seixas

11 dez, 2017
Lima-Peru
Mais cor, por favor: um dos murais grafitados de Barranco, o distrito que transborda arte e personalidade | Arthur Seixas

A arte estava na ponta dos pés quando este jornalista que vos escreve estava nos ares. No momento em que o avião pousava em Lima, capital do Peru, já tarde da noite, a multidão no aeroporto explodia em alegria ao barulho de cornetas e abraços apertados. O Peru acabava de conquistar a última vaga para a Copa do Mundo de 2018 depois de um jejum de 35 anos. Na fila da imigração, as camisas de faixa vermelha – oficiais da seleção local – já eram maioria. Nas ruas, o caos total! Uma bagunça gostosa, misturada aos largos sorrisos. Os primeiros minutos em território peruano já anunciavam que a viagem seria de pura felicidade.

O futebol artístico, já no dia seguinte, cedia lugar à arte urbana, na beleza dos canteiros de flores do distrito que não poderia ter nome mais perfeito: Miraflores. Sim, flores para mirar, apreciar e se encantar. Então você se inspira a pegar uma bicicleta para aproveitar a manhã de sol, que ousou abrir de repente por alguns momentos, desafiando a previsão do tempo apontava um céu fechado em cinza.

Lima-Peru
Os mosaicos artísticos e o jardim bem cuidado, cheio canteiros de plantas, do Parque del Amor, em Miraflores | Arthur Seixas
Lima-Peru
As curvas dos bancos de mosaicos com inspiração no artista espanhol Antoni Gaudí | Arthur Seixas

Pelo circuito de parques construídos à beira do precipício rochoso, ao fundo se vê o mar brilhando esverdeado. Mas as ondas estão mesmo no Parque del Amor, com seus bancos de mosaicos à la Gaudí. Por alguns momentos, você se pergunta se está em Lima ou se foi teletransportado para o Parc Güell, em Barcelona. Da Espanha de volta ao Peru, o passeio de bike continua até o Mercado San Isidro. É chegada a hora de experimentar outro tipo de arte. Aquela de fazer sua boca salivar.

Lima oferece intenso roteiro cultural e ótimas opções gastronômicas

Recém pescado, o cojinova chega picado em forma de ceviche, o orgulho da culinária local. Esse, no entanto, era só o aperitivo. O almoço no Qincha, restaurante de gastronomia contemporânea, mescla sabores e brinca com seu paladar ao adicionar ervas da floresta no arroz amazônico. Adicione uma causa – um delicioso rolinho de batatas – ao pedido e voilà! Um toque de refinamento francês no melhor jeito peruano.

Lima-Peru - gastronomia
Tradição e modernidade: ceviche e causa, pratos tradicionais da culinária peruana, recebem um toque de sofisticação no restaurante Qincha | Arthur Seixas

De barriga cheia, era hora de voltar ao giro cultural pela capital peruana. Do charme singelo de Miraflores para os muros grafitados e ultracoloridos de Barranco, Lima é pura vibração plástica. Moderna e cool, essa parte da cidade transborda estilo, tanto que aqui está localizado o Museo Mario Testino (MATE), em homenagem ao célebre fotógrafo de moda. Na mostra permanente, imagens de ícones da cultura pop, de Lady Di a Lady Gaga. É no andar superior, contudo, que uma joia está à sua espera: retratos de moradores da região de Cusco em seus belos trajes típicos.

No quesito museu, entretanto, nada te prepara para o Museo Larco. Primeiro, pela beleza, pois sua entrada e jardim interno são cobertos vasos de plantas, trepadeiras e bougainvilles. É de encher os olhos! Segundo, pelo rico acervo de cerâmicas e peças de civilizações pré-colombianas. Um verdadeiro esforço de preservação da história e valorização da arqueologia como ferramenta de compreensão do passado para construção do futuro. Um verdadeiro serviço à humanidade.

Lima-Peru
A arte de rua dita o tom cool, jovem e cheio de vida do distrito de Barranco | Arthur Seixas
Lima-Peru-Museu Mario Testino
O ensaio sobre as vestimentas folclóricas da região de Cusco fotografado por Mario Testino no museu que leva o seu nome | Arthur Seixas
Lima-Peru-Museo Larco
A fachada do Museo Larco e seu jardim repleto de flores e plantas | Arthur Seixas
O colorido das plantas que domina a parte externa do Museo Larco | Arthur Seixas

 

Veja mais roteiros no Peru

 

_ _ _ _
Arthur Seixas é fotógrafo e jornalista especializado em viagens, turismo, paisagens e vida selvagem

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *