Voo de hidroavião em Whitehorse, no Canadá, revela cenários de cinema

Por Arthur Seixas

12 set, 2017
Levantando voo: hidroavião sobrevoa lago da região de Whitehorse | Arthur Seixas

Para a maioria dos brasileiros hidroaviões são máquinas exóticas que figuram no imaginário daqueles que, quando criança, se encantavam com filmes de aventura do estilo Indiana Jones. Pois em Whitehorse – a capital do Território de Yukon, no norte do Canadá – você poderá dar asas ao seu herói interior em peripécias aéreas do tipo hollywoodiano.

Como a região é muito rica em lagos e rios, é comum de se ver por lá essas curiosas engenhocas que voam, mas pousam na água.

 

 

As águas azuis do Rio Yukon e o tapete verde da floresta de coníferas | Arthur Seixas
Voo de hidroavião é um ótimo programa para ver as belezas de Whitehorse do alto | Arthur Seixas

Além de poder matar a curiosidade, o sobrevoo pelas imediações da capital de Yukon te apresentará paisagens dignas de filme, de tão belas. Decolando do rio que dá nome ao Território, você poderá se encantar com sua cor intensamente azul e bordas esmeralda.

De cima, as florestas de pinheiros, que se perdem no horizonte até os olhos perderem de vista, se estendem como um longo tapete verde na superfície. Sem falar nos lagos, que do ar parecem bolhas de água cristalina em meio à vastidão de arvoredos em cone. Sem dúvida nenhuma, esta é a melhor forma de se conhecer Whitehorse, cinematográfica que só!

O leito sinuoso do rio Yukon visto de cima | Arthur Seixas
A tonalidade esmeralda da água nas bordas do Rio Yukon ! Arthur Seixas
Rio Yukon cercado de floresta de pinheiros: bonito de qualquer ângulo | Arthur Seixas

Com quem voamos:

Alpine Aviation » alpineaviationyukon.com

Quanto »

1 hora – C$ 600 (o preço total pode ser dividido por até 4 pessoas)
Meia hora – C$ 270 (2 pessoas), C$ 315 (3 pessoas), C$380 (4 pessoas)

Quando » opera a ano inteiro

Junho e julho: 8h às 20h
Agosto e setembro: 8h às 18h
Outubro a maio: opera em horas reduzidas (hidroaviões são substituídos por ski planes para pouso no gelo)

 

Veja mais roteiros em Yukon »

 

Arthur Seixas é fotógrafo e jornalista especializado em viagens, turismo, paisagens e vida selvagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *